Google+ Followers

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

QUANDO SERÁ?


"Quando vossos ladrões estiverem soltos, e vós, presos,
Quando o errado parecer certo,
Quando a beleza de uma pessoa estiver do lado de fora e não dentro dela,
Quando os livros forem substituídos pela televisão,
Quando vós forem julgados não pelo que és, mas pelo que se tem,
Quando o dinheiro falar mais alto do que vossa justiça,
Quando vossos governantes não governarem,
Quando vossos poetas morrerem,
Quando os vossos verdadeiros sentimentos não forem correspondidos,
Quando houver mais pobres do que ricos,
Quando vossos jovens trouxerem na boca todos os palavrões existentes,
Quando vossos idosos não tiverem mais voz sobre os vossos jovens,
Quando todas as pessoas forem condicionadas somente ao sexo,
Quando vossas mulheres tirarem a roupa por dinheiro e não por amor,
Quando vossos homens olharem para vossas mulheres apenas como um pedaço
de carne,
Quando trabalhardes mais tempo do que ficais em casa,
Quando não tiverdes, todos vocês, mais tempo para sua vida,
Quando vossos casais não mais se casarem pelo coração, mas pela
continuidade de seus bens,
Quando parardes de sonhar,
Quando parardes de viver,
Quando os dias de suas vidas tornarem-se praticamente os mesmos,
Quando todos os dias achardes que o tempo está passando rápido demais,

Podereis então dizer,
É o fim do mundo."




Creditos: Dodo.
Postar um comentário